quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

Experiências divertidas - como fazer energia com um limão


As pilhas ou baterias são objectos essenciais no mundo de hoje. Seja para os relógios, para os smartphones, ou para muitos outros gadgets, as pilhas são fundamentais. Mas como é que elas funcionam? Nesta experiência divertida, vais aprender de uma forma simples o funcionamento de uma pilha, e ainda, a fazer uma bateria eléctrica a partir de um limão. É verdade, um limão! Bem-vindo ao mundo das experiências divertidas!


Material necessário

Para fazeres a experiência divertida “Fazer energia com um limão” vais necessitar de:
- um limão;
- um prego de ferro;
- um pedaço de cobre;
- dois pedaço de fio eléctrico.;
- uma lâmpada LED ou uma lâmpada de árvore de Natal.


Como proceder

1 – Começa por descarnar as pontas dos fios eléctricos (retirar o plástico nas pontas). 
2 – De seguida, enrole uma das pontas de um dos fios no prego e uma das pontas do outro fio no pedaço de cobre.
3 – Neste passo, fixe o preço e o fio de cobre no limão, até ficarem metade enterrados no citrino
4 – Por fim, ligue as pontas que restaram à lâmpada, como mostra na figura. Se a lâmpada não acender é porque a polaridade não é correta, bastando para que ela funcione que inverta as ligações do fio à lâmpada.

fazer energia lâmpada com limões


O que é que aconteceu?

O fio conectado no prego reage com o ácido presente no limão, fazendo com que o ferro do prego liberte átomos, deixando para trás um excesso de electrões. Como o cobre reage menos com o ácido cítrico, fica com um diferencial positivo em relação ao ferro. O fio que vai ligar-se ao prego e ao fio de cobre, ao serem conectados na lâmpada, fecha-se o circuito, provocando a circulação de electrões do ferro (pólo negativo) para o fio de cobre (pólo positivo), acendendo a lâmpada com essa energia.

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Ficha de avaliação - Ciências Naturais 5º ano - ar, forma, revestimento e locomoção dos animais


Para te ajudar a estudar os temas "Ar" e "Forma, revestimento e locomoção dos animais", deixamos aqui uma ficha de avaliação de ciências naturais 5º ano. Para acederes ao teste basta clicares em cima da imagem. Bom trabalho!

Para estudares:

=> Descobre AQUI os nossos textos e explicações sobre o tema "Ar".
=> AQUI podes encontrar vários artigos para estudares sobre o revestimento dos animais.


Ficha de avaliação Ciências Naturais 5º ano - Ar, forma, revestimento e locomoção dos animais


segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

Ficha de avaliação - Ciências Naturais 6º ano - Sistema Circulatório e Sistema Urinário


Para te ajudar a estudar o tema Sistema Circulatório e Sistema Urinário, deixamos aqui uma ficha de avaliação de ciências naturais 6º ano, sobre estes temas. Para acederes ao teste basta clicares em cima da imagem. Bom trabalho!

Para estudares:

=> Descobre AQUI vários artigos sobre o sistema urinário.
=> AQUI tens vários textos e explicações sobre o sistema circulatório.


Para ver outras fichas de avaliação de Ciências da Natureza 6º ano, clica aqui.

terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Como distinguir um corvo de uma gralha-preta


Gralha-preta (Corvus corone), foto de L. B. Tettenborn
Os “corvos” são aves muito comuns em Portugal. Contudo, ao contrário do que muitos pensam, aquelas aves de grandes dimensões de cor preta que se vêm um pouco por todo o território português, na maioria das vezes não são corvos mas sim gralhas-preta. 



Corvo (Corvus corax)
Então como distinguir um corvo de uma gralha-preta? De seguida podes ver as principais diferenças entre estas duas aves e vais descobrir que afinal não é assim tão difícil perceber que espécie estás a observar.




Como distinguir um corvo de uma gralha-preta

O corvo (Corvus corax) e a gralha-preta (Corvus corone), são ambas espécies frequentes em Portugal, e, por fazerem parte do mesmo género, têm naturalmente muitas semelhanças. No entanto, sendo espécies distintas, há diferenças com as quais, se estiveres atento, conseguirás distinguir um corvo de uma gralha-preta. De seguida podes aprender seis aspectos que te vão ajudar a identificar se a ave que observas é um corvo ou uma gralha-preta.

1 - De acordo com as últimas estimativas, a população da gralha-preta é muito maior do que a população de corvos, logo, é muito mais provável estares a observar uma gralha-preta quando vês uma ave com estas características.

=> Conheces as aves mais frequentes no território português? Sabe mais no nosso artigo "11 aves muito comuns em Portugal".

2 - O corvo é uma espécie mais habitual em zonas pouco povoadas do interior, particularmente em áreas mais abertas. Já a gralha-preta pode ser vista em terrenos agrícolas, zonas abertas e bosques.

3 - O corvo é uma ave que apenas é avistada estando em casal ou sozinho, enquanto que a gralha-preta é geralmente vista em pequenos bandos. Ou seja, se vires mais que duas aves destas juntas então são gralhas-pretas.

4 - O corvo tem dimensões superiores às de uma gralha-preta. A melhor comparação é com a águia-de-asa-redonda (Buteo buteo), a águia mais comum em Portugal. O corvo tem uma dimensão idêntica à da águia-de-asa-redonda, sendo a gralha-preta mais pequena.

5 - Morfologicamente também há diferenças visíveis entre as duas aves. Assim, o corvo tem uma cabeça maior, com um bico mais grosso e de maior dimensão. A extremidade da cauda do corvo é em forma de cunha, enquanto que na gralha-preta é arredondada.

=> Gostas de observar aves? Então sabe mais sobre como o fazeres no nosso artigo "Como observar aves"

6 - Uma das formas mais simples de distinguir um corvo de uma gralha-preta é através das suas vocalizações. Enquanto que o som da gralha-preta se parece muito com o seu próprio nome, “grááááá…”, sendo uma vocalização mais prolongada, no caso do corvo é um rouco e curto “arr arrr”. São ambos sons fáceis de ouvir e identificar. De seguida podes ver dois vídeos com as vocalizações de ambas as aves.

Som do corvo



Som da gralha-preta

Concluindo, através das características que te ensinamos vais poder facilmente distinguir um corvo de uma gralha-preta quando vires aves pretas de grande dimensão.


Aprende mais sobre os animais no nosso "Cantinho dos Animais"


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Ajude-nos a divulgar o nosso blog. Clique no botão abaixo.