segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Experiências divertidas - como fazer um tornado de água


Os tornados são fenómenos naturais de grande beleza, mas também, de grande perigo e destruição. No entanto, os tornados ocorrem no ar e não na água, sendo fenómenos atmosféricos. Por isso, a experiência que vamos apresentar, “Como fazer um tornado na água”, irá sim simular um vórtice. 

Foto de Robert D Anderson

Um vórtice, também chamado de redemoinho, é um movimento giratório da água ao passar de um espaço para outro com diferentes níveis de pressão. De seguida podes aprender como fazer uma experiência simples mas muito interessante, onde conseguirás produzir um “tornado” na água fácil de observar.


Como fazer um "tornado" de água


Material necessário:

- duas garrafas de plástico de 1,5 L, com os rótulos retirados (no Brasil são as chamadas garrafas PET);
- fita isoladora;
- 750 ml de água;
- 250 de óleo vegetal;
- rolha.


Como proceder:

1 – Começa por colocar a água dentro de uma das garrafas, acrescentando de seguida o óleo.
2 – Com um prego e um martelo (pede ajuda a um adulto), faz um buraco no centro da base da rolha, que passe de um lado ao outro, formando um orifício com 1 cm de diâmetro.
3 – Com uma faca (pede ajuda a um adulto), lasca a rolha até caber justo na entrada da garrafa. A rolha tem de ser suficientemente grande para as duas garrafas encaixarem simultaneamente na mesma rolha.
4 – Depois de os bocais de ambas as garrafas estarem encaixadas na rolha, envolve bem essa ligação com fita isoladora.
5 – Por fim, tens apenas de virar a estrutura de modo a que a garrafa cheia fique do lado de cima. Depois tens apenas de observar o efeito da água a passar de uma garrafa para a outra. E ainda melhor, podes fazer as vezes que quiseres.


Dica: Ao virares a estrutura que fizeste ao contrário, gira um pouco a parte de cima.


Sabias que... o movimento dos vórtices no hemisfério sul do planeta tem o sentido horário (sentido do ponteiro dos relógios), enquanto que no hemisfério norte o movimento é em sentido contrário?


Podes ver agora o vídeo da Mad Science, que exemplifica esta experiência.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Ajude-nos a divulgar o nosso blog. Clique no botão abaixo.